Progetti di contrasto alla povertà AMU

Image

Projectos AMU anti-pobreza

As empresas que aderem à EdC partilham os seus lucros anuais para três objectivos: projectos de desenvolvimento e assistência a pessoas necessitadas, formação na cultura da doação, e consolidação e crescimento empresarial.

Para o primeiro destes propósitos, a EdC colabora estreitamente com a AMU - Action for a United World ONLUS, que administra parte dos lucros reunidos pelas empresas, para implementar projetos de desenvolvimento que devolvem trabalho e dignidade a pessoas em condições social e economicamente vulneráveis.

Juntos, desenvolvemos e implementamos projetos para o início e consolidação de atividades produtivas com alto impacto social, que criam novos empregos para pessoas em condições vulneráveis. Desta forma, as pessoas que de outra forma seriam dependentes de ajuda externa têm a oportunidade de melhorar e aprimorar suas habilidades de trabalho, ganhando com seu trabalho a compensação certa que lhes permite e a suas famílias viver com dignidade.

Os projetos sempre partem das propostas de nossas associações parceiras locais que, inspiradas nos valores da EdC, trabalham de perto com situações de miséria no mundo.

A experiência adquirida no campo e os valores na base de nosso trabalho nos permitiram desenvolver nos últimos anos o que chamamos de "desenvolvimento da comunhão": uma perspectiva de desenvolvimento baseada na capacidade de cada pessoa de dar algo de si mesma e dos bens à sua disposição, mesmo em condições de grave necessidade. É por isso que em cada projeto fornecemos formas e ferramentas específicas para implementar a reciprocidade do dom, um sinal de protagonismo das pessoas envolvidas e uma garantia de um verdadeiro caminho de desenvolvimento humano integral.

Relatório Social

Em Junho de 2023, AMU publicou o Relatório Social 2022, o instrumento que pretende comunicar com incisividade e sinceridade a vida da associação, o compromisso dos membros e colaboradores, os impactos do seu trabalho, mas acima de tudo para manter viva e espalhar a tensão em direcção a um Mundo Unido.

0

#AMU - Emergência na Ucrânia: a chegada da ajuda humanitária

A guerra na Ucrânia continua e a situação evolui a cada hora. A arrecadação da Coordenação do Movimento dos Focolares, AMU e AFN para apoiar as ações da Caritas-Spes Ucrânia também continua. As atualizações vêm de Mira, uma focolarina eslovena que vive na Ucrânia e trabalha para a Caritas-Spes.

fonte: Amu

8 de março de 2022 - Trinta e quatro centros da Caritas-Spes estão operando atualmente em Odessa, Berdyansk, Kharkiv e Kiev e estão principalmente empenhados em receber, preparar e distribuir a ajuda humanitária recebida. Hoje chegaram quase 160 toneladas de alimentos, roupas, produtos de primeira necessidade e medicamentos. Nos escritórios da Cáritas, eles são armazenados, classificados, embalados e enviados para as diferentes missões que os distribuem à população. Graças também a esta atividade, estima-se que o número de pessoas assistidas ultrapassa 29.500. Destes, cerca de 4.600 pessoas (incluindo 1.090 crianças) foram acomodadas em abrigos mais seguros.

Em Zhytomyr chegaram três cargas humanitárias com um peso total de 60 toneladas, contendo também fraldas e alimentos para as crianças. Aqui a Caritas-Spes também apoia hospitais e clínicas pediátricas e a Casa da Misericórdia que abriga 29 pessoas (14 idosos, 15 funcionários).

No momento, graças à chegada das ajudas, também é possível distribuir medicamentos: o centro social de Kiev cuidou dos desalojados que aguardavam os trens de evacuação. AMU EmergenzaUcraina 05 ridOutras doações chegaram em Tarasivskyi e Boyarskyi.

Continua a atenção às mães, às crianças e aos idosos

Na Vila para as crianças de Yablunytsia Caritas-Spes fornece 3 refeições por dia, medicamentos e artigos de higiene para as 200 pessoas deslocadas internamente (principalmente mães com crianças e idosos) e os 30 funcionários que cuidam delas.

Quatro das 11 casas de família foram evacuadas, levando cerca de 100 pessoas para a fronteira com outros países ou para áreas internas mais seguras. Outros 7 orfanatos do tipo familiar, patrocinados pela Missão e que abrigam 81 crianças, agora estão seguros. Nos outros, a Cáritas continua a fornecer alimentos e remédios.
Desde o início da intervenção militar, Lviv recebeu 80 toneladas de remessas humanitárias que foram direcionadas às paróquias da RCCiU nas áreas afetadas. No total, 10.000 pessoas foram ajudadas.

A Caritas de St Martíno (Caritas-Spes Zakarpattia) recebeu 293 pessoas (em Mukachevo e Vynogradovo) e forneceu alimentos para os refugiados (350 pessoas por dia) na fronteira.

 
Tags: ,
Image

vá para O ARQUIVO

Lìngua: PORTUGUÊS

Filtrar por Categorias

Siga-nos:

A economia do dar

A economia do dar

Chiara Lubich

«Ao contrário da economia consumista, baseada numa cultura do ter, a economia de comunhão é economia da partilha...

Leia mais...

As tirinhas de Formy!

As tirinhas de Formy!

Conheces a mascote do site Edc?

O dado das empresas

O dado das empresas

A nova revolução para a pequena empresa.
Dobre! Jogue! Leia! Viva! Compartilhe! Experimente!

O dado das empresas agora também em português!

Seguici su:

quem está online?

Temos 610 visitantes e Nenhum membro online

© 2008 - 2024 Economia di Comunione (EdC) - Movimento dei Focolari
creative commons Questo/a opera è pubblicato sotto una Licenza Creative Commons . Progetto grafico: Marco Riccardi - edc@marcoriccardi.it

Este site utiliza cookies, também de terceiros, para oferecer maiores vantagens de navegação. Fechando este banner você concorda com as nossas condições para o uso dos cookies.