0

Descarte Correto: quando o lixo vira solução para inclusão digital

Em Manaus, empresa de impacto social processa 200 toneladas de lixo eletrônico ao ano e transforma os resíduos em oportunidades de inclusão digital.   

por Cibele Lana

publicado no site da Anpecom em 05/03/2020

O Brasil é o sétimo maior produtor de lixo eletrônico do mundo e o maior da América Latina. Cerca de 1,5 toneladas são produzidas por ano, e apenas 13% das cidades oferecem algum tipo de coleta para esses tipos de resíduos, de acordo com o úlitmo estudo publicado em 2017 pela Global Waste Monitor e pelo Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento.    

Anpecom lixo eletronico 2020 thumbnaiilDiante desses números, é indubitável que o desafio do lixo eletrônico é global. Mas são as experiências locais, que envolvem catadores, cooperativas, comunidades e instituições não-governamentais são aquelas que parecem obter mais resultados, justamente por seus propósitos sociais. 

Foi pensando em transformar todo esse problema em um negócio de impacto no ecossistema da Amazônia brasileira que, Alessandro Dinelli resolveu dar início à empresa Descarte Correto, que atualmente processa cerca de 200 toneladas de lixo eletrônico por ano em Manaus.             

"Venho de um trabalho de inclusão digital na Amazônia. Fomos os pioneiros em reaproveitar resíduo eletrônico e logo enxergamos a oportunidade da economia circular", contou Dinelli. 

Anpecom lixo eletronico 2020 thumbnailjpgCom esse pensamento, o empreendedor Dinelli logo percebeu que o trabalho com o resíduo eletrônico ultrapassava as fronteiras de um trabalho social e ambiental. Fazer o lixo retornar para a cadeia de produção poderia ser também uma ótima fonte de renda.

Hoje, o lixo eletrônico coletado no galpão da empresa e em outros 15 pontos da cidade de Manaus têm, de forma simplificada, duas destinações bem inovadoras. Depois da triagem e pesagem, parte do resíduo que não pode ser mais reaproveitado, como o plástico e metais, vão para um processo de manufatura reversa e se transformam novamente em matéria-prima para as indústrias.    

"Por sermos um negócio de impacto, ao invés de desmontar tudo, transformamos a outra parte dos resíduos em produtos para inclusão digital em comunidades carentes", ressalta Dinelli.

Esses "novos" produtos são destinados a outros dois modelos de negócios da Descarte Correto, ambos com propósito social.

Anpecom lixo eletronico 2020 thumbnailParte dos computadores reaproveitados é vendida a preços mais acessíveis, de R$380 a R$600, para empresas e instituições. Outra parte é incorporada ao modelo de microfranquias, chamado 'Interativo', também criado por Dinelli, para oferecer cursos de inclusão digital em comunidades carentes. 

Por meio da 'Interativo', a Descarte Correto disponibiliza 22 computadores pré-fabricados, um pacote de mais de 60 cursos on-line, metodologia e capacitação de gestores em vendas, administração de negócios e técnica. Em contrapartida, a comunidade atendida cede o espaço e paga uma taxa de licenciamento da franquia, também muito acessível.

Anpecom lixo eletronico 2020 thumbnailJá são 13 microfranquias atuando nesse modelo, e mais de 1000 pessoas abrangidas pelos cursos de inclusão digital oferecidos à comunidade.

"O desafio é grande, mas sempre digo aos meus colaboradores que o nosso propósito tem que ser maior que o nosso desafio. Queremos fazer com que a economia, ambiental e social, caminhem juntas. A maior motivação da Descarte Correto é saber que todos os dias temos motivos para transformar a vida das pessoas", concluiu Dinelli.

Image

vá para O ARQUIVO

Lìngua: PORTUGUÊS

Filtrar por Categorias

Siga-nos:

10-06-2021

Editoriais – Os valores resgatados das multinacionais para vacinas, famintos e empobrecidos por...

A economia do dar

A economia do dar

Chiara Lubich

«Ao contrário da economia consumista, baseada numa cultura do ter, a economia de comunhão é economia da partilha...

Leia mais...

As tirinhas de Formy!

As tirinhas de Formy!

Conheces a mascote do site Edc?

O dado das empresas

O dado das empresas

A nova revolução para a pequena empresa.
Dobre! Jogue! Leia! Viva! Compartilhe! Experimente!

O dado das empresas agora também em português!

quem está online?

Temos 219 visitantes e Nenhum membro online

© 2008 - 2019 Economia di Comunione (EdC) - Movimento dei Focolari
creative commons Questo/a opera è pubblicato sotto una Licenza Creative Commons . Progetto grafico: Marco Riccardi - edc@marcoriccardi.it

Please publish modules in offcanvas position.

Este site utiliza cookies, também de terceiros, para oferecer maiores vantagens de navegação. Fechando este banner você concorda com as nossas condições para o uso dos cookies.