Rede de incubadoras internacional se encontra na Itália

Novas iniciativas de comunhão ao redor do mundo exprimem suas experiências. 

Eoc IIN 2

Aconteceu no dia 02/02 na Itália, a Jornada Internacional da EoC-IIN. A ideia central do evento foi apresentar os primeiros passos dados em relação ao projeto e continuar o trabalho de desenvolvimento de ideias em torno do fomento de novas empresas de Economia de Comunhão(EdC). De modo geral o programa foi divido em três grandes momentos: a apresentação do projeto, cases de incubação e para concluir foram disponibilizadas dez workshops de temas variados, desde negócios de inclusão, metodologias de trabalho, comunicação entre outros.

A EoC-IIN é a rede internacional de suporte ao empreendedorismo, nasceu após os 25 anos do nascimento da Economia de Comunhão. O objetivo desse projeto é responder aos desafios da economia atual, dando um novo impulso para novos projetos da EdC, uma realidade global que se exprime em forma de rede de incubação. É um suporte para aqueles que desejam empreender dentro da perspectiva de comunhão.  São chamadas de “hub”, que significa nó em tradução livre, as iniciativas que estão inseridas nesse projeto mundial de incubação.

Por meio da EoC-IIN pretende-se oferecer  ferramentas de acompanhamento para uma nova geração de empreendedores de comunhão, que pode referir-se a jovens, ou ainda novos empreendedores.

Eoc IIN 3

Como funciona esse projeto?

Segundo Rebeca Gomez, que trabalha diretamente no projeto, ele foi baseado na subsidiariedade, sem uma estrutura central, mas  estruturado de modo que as iniciativas e os recursos sejam principalmente locais. Cada país que formar um ”hub” irá oferecer, de acordo com suas potencialidades, serviços diversos, com o intuito de fomentar o empreendedorismo.

Ainda que o projeto tenha apenas um ano, já existem treze “hub’s”, sendo que desses sete já iniciaram o processo de execução e outros seis estão em fase de análise e estruturação.

O Brasil apresentou dois “hub’s”, um pelo Polo de negócio Ginetta e um pela Associação Nacional por uma Economia de Comunhão (Anpecom). Entre os principais projetos estão o desenvolvimento de jovens empreendedores em parceria com Aliança Empreendedora que irá formar jovens de 19 a 30 anos de baixa-renda; os Weekend de EdC que promove a imersão de jovens nesta proposta cultural e o PROFOR, Programa de Fortalecimento de Negócios Inclusivos e de Comunhão, que nasceu com o objetivo de fomentar projetos sociais com foco na inclusão.

Na conclusão do dia foi feito um balanço dos desafios e das potencialidades do projeto. A realidade da EoC-IIN é muito nova, mas notou-se durante a jornada que ela terá um papel importante no surgimento de novos negócios baseados na cultura da EdC.

Siga-nos:

29-07-2020

A casa comum só pode se tornar mais humana e mais hospitaleira se a olharmos e pensarmos nela...

A economia do dar

A economia do dar

Chiara Lubich

«Ao contrário da economia consumista, baseada numa cultura do ter, a economia de comunhão é economia da partilha...

Leia mais...

As tirinhas de Formy!

As tirinhas de Formy!

Conheces a mascote do site Edc?

O dado das empresas

O dado das empresas

A nova revolução para a pequena empresa.
Dobre! Jogue! Leia! Viva! Compartilhe! Experimente!

O dado das empresas agora também em português!

quem está online?

Temos 573 visitantes e Nenhum membro online

© 2008 - 2019 Economia di Comunione (EdC) - Movimento dei Focolari
creative commons Questo/a opera è pubblicato sotto una Licenza Creative Commons . Progetto grafico: Marco Riccardi - info@marcoriccardi.it

Please publish modules in offcanvas position.

Este site utiliza cookies, também de terceiros, para oferecer maiores vantagens de navegação. Fechando este banner você concorda com as nossas condições para o uso dos cookies.